Fórum para todos os escritores e leitores de fanfictions em português.
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Strangers in the Night - Prelude for a Ghost

Ir em baixo 
AutorMensagem
Bri
newbie.
newbie.
avatar

Feminino Número de Mensagens : 14
Idade : 29
Localização : @London
Hobbies : truing to buy my ticket to hell
Eu digo : This isn't Armageddeon, this is personal.
Data de inscrição : 14/12/2008

MensagemAssunto: Strangers in the Night - Prelude for a Ghost   Ter Dez 16, 2008 4:03 pm

Status: 14 capitulos consumados, com 30 previstos [contando com o Prólogo e o Epílogo].

Título: Strangers in the Night
Fandom: Tokio Hotel
Tipo: por capítulos
Gênero(s): Terror/Fantasia/Romance
Pairing(s): --
Classificação: PG - 13
Avisos: a parte do romance é sériamente discutivel. maas como a ff ainda não está pelas horas a morte, há alguma possibilidade de desenvolver algumas relações amorosas. em relação á classificação, por enquanto é a acima referida, mas poderá mudar. ah! mais uma coisa, eu sou má. muito má. para quem é fã tenha cuidado; em certos capitulos eu tenho tendência para 'achincalhar' aqueles quatro.
Sumário: Susan e Meggan vivem na pequena cidade de Little Oaks. E como é uma pequena cidade, quando alguma coisa acontece, em poucos minutos toda a gente sabe.
As duas jovens vivem na cidade desde sempre e aos olhos das outras pessoas são perfeitamente normais, mas quando uns estranhos rapazes chegam á cidade por engano as coisas vão levar um rumo diferente.
Disclaimer: eles não me pertencem, assim como Dunja e Saki. as restantes personagens são da minha autoria. só uma pessoa estranha poderia conceber algo assim.






Prelude to a Ghost : A Lenda de Little Oaks


Little Oaks era uma pequena cidade de passagem para Birmingham.
Nunca fora muito especial.
Apenas o facto de estar ladeada por uma floresta e ter um lago não muito longe daquele magnifico terreno fértil, dava-lhe certos privilégios. As pessoas começaram a instalar-se naquele local agradável e com o tempo as mansões cresceram naquelas clareiras primaveris.
Mas como cidade de passagem que era, também recebia visitas inesperadas.
Numa noite, como qualquer outra, estranhos apareceram em Little Oaks. E como quaisquer outros estranhos que aparecessem em Little Oaks, eles foram bem recebidos e acolhidos nas pequenas estalagens. Eles agradeceram a forma como foram tratados e com o passar do tempo começaram a habitar a pequena cidade como qualquer outro habitante dela. Também eles passaram a ser parte daquela comunidade de pessoas abertas e simpáticas, construindo as suas casas e aumentando as famílias.
Mas estes estranhos não eram como os outros.
Havia algo de diferente neles, algo que os moradores não viam.
E quando alguns acidentes começaram a ocorrer, na pequena cidade de Little Oaks, as pessoas começaram a desconfiar. Numa questão de meses os acidentes passaram de coisas pouco importantes para questões muito mais graves.
Os pacíficos habitantes de Little Oaks começaram a ter medo.
Por isso, numa noite, não como qualquer outra, eles iniciaram uma caça aos estranhos que haviam destabilizado a paz que reinava naquele pequeno local. Perseguindo-os um a um, eles ceifaram a vida daquelas estranhas pessoas e sem qualquer aviso, queimaram-lhes as casas e todos os pertences.
E a partir dessa noite em diante, a pequena cidade mudou.
Em tudo.
Agora a maioria das pessoas evitava passar por ela, mas era inevitável não passar pela pequena cidade escondida na neblina. Com o tempo as pessoas começaram a viajar mais depressa por aquela zona, contava-se as coisas mais bizarras sobre aquele local.
Sempre escondida na sombra da névoa, Little Oaks era raramente agraciada pelo sol, o terreno agora infértil, não ajudava nas colheitas da população. As nuvens escuras e ameaçadoras que pairavam naquele local afugentavam as pessoas, e cada vez mais isolada a população da pequena cidade começava a odiar os estranhos.
As pessoas de fora começavam a contar coisas, falando sempre da cidade amaldiçoada.
Mas o tempo passou e os homens evoluíram.
E assim nasceu a lenda de Little Oaks.
E reza na lenda que: “Nem todos os estranhos de Little Oak desapareceram...”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
ritalavalerie.
admin.
admin.
avatar

Feminino Número de Mensagens : 167
Idade : 27
Localização : Porto
Hobbies : being more of a flamming queer than the whole 'queer eye for the straight guy' crew.
Eu digo : "I live in a state between maleness and femaleness." "Which is?" "Fabulousness."
Data de inscrição : 09/12/2008

MensagemAssunto: Re: Strangers in the Night - Prelude for a Ghost   Ter Dez 16, 2008 4:55 pm



    OMG Q FAB TERROR && FANTASIA? eager
    can't ask for more (a não ser algum tom/bill SURPRISE!BUTTSECKS!!!! OKPAREISORRY.)

    anyways, isto está super interessante e eu fiquei MUITO CURIOSA para saber o que se vai passar, really. e tu escreves imensamente bem AND I WANT MOREEEE trapped

    please give us more? aww

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
miahagen
fanfiction lover.
fanfiction lover.
avatar

Feminino Número de Mensagens : 46
Idade : 28
Localização : everywhere
Eu digo : I don't mind straight people as long as they act gay in public
Data de inscrição : 21/12/2008

MensagemAssunto: Re: Strangers in the Night - Prelude for a Ghost   Sab Dez 27, 2008 1:01 pm

clap clap clap

muito bom! espero por mais eager
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://zimmer483.sapo.pt
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Strangers in the Night - Prelude for a Ghost   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Strangers in the Night - Prelude for a Ghost
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Last Friday Night
» 02. Shiny lights in the night
» Lazer antes do tumulto (ou não)!

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
fanfiction PT :: fanfiction. :: bandas :: tokio hotel :: gen.-
Ir para: